Porco de colete salva-vidas em mar na capital de SC chama atenção

Um porco de colete salva-vidas chamou a atenção ao entrar no mar no Ribeirão da Ilha, em Florianópolis, no domingo (31).

O animal aparentava estar descansando na beira da praia e foi flagrado por Levi Schimitt Silveira, que visitava a região.

“Todo mundo meio chocado. Aparentemente o porquinho era bem habituado a ir para a água”, disse.

Levi conta que o animal pertencia a um casal que estava na região, e que algumas pessoas que almoçavam no local chegaram a interagir com o porco.

“A única coisa que eu ouvi é que eles [casal tutor] tinham batido umas fotos com ele ali perto da igreja”, relata.

Segundo o biólogo Gilberto Duwe, o fato de o porco estar com colete salva-vidas demonstra cuidado com o animal, já que existe risco de afogamento.

“Não sei se porcos chegam a nadar, então, se ele está com colete, consegue respirar. O problema é se não tem o colete, porque pode acabar se afogando”, explica.

Para o biólogo, o porco deve ser um animal de estimação. “Provavelmente é um pet. Devem ter levado junto para ele poder brincar e acabaram vestindo o colete para proteger o bichinho”, diz.

Lei proíbe animais na praia

O artigo 8º da lei municipal complementar nº 94, de 18 de dezembro de 2001, que dispõe sobre a prevenção de zoonoses, diz que é “expressamente proibida a presença de cães, gatos ou outros animais em praias a qualquer título”.

Fonte: G1

NOS CONTE O QUE VOCÊ ACHOU
0Gostei0Amei0Haha0Hum0Triste0Raiva

0 Comments

Deixe um comentário

mersin escort çorlu escort erzincan escort görükle escort Samsun escort