https://www.traditionrolex.com/20

ASSISTA: Mulher de Chapecó canta Marília Mendonça em terminal de ônibus e impressiona pela semelhança

Mesmo com a morte precoce da cantora Marília Mendonça, em um trágico acidente aéreo em novembro de 2021, sua arte continua sendo lembrada pelo mundo. Em Chapecó uma moradora, e fã de Marília, chamou atenção nesta semana.

Juliana Cavalheiro Bentz, de 36 anos, viralizou na internet após ser filmada cantando a música “Todo mundo menos você”, sentada em um ponto de ônibus. O que causou surpresa foi a semelhança de Juliana com Marília Mendonça.

E ela não é apenas física. A voz da chapecoense também se assemelha em muito com a da rainha da sofrência. O vídeo foi gravado por Sirlei Pinheiro Lima e compartilhado na internet. Até a manhã desta quarta-feira (30) já contava com quase 2 mil curtidas, além de inúmeros comentários e compartilhamentos. “Hoje o ponto de ônibus aqui em Chapecó animado por Juliana Cavalheiro”, escreveu Sirlei.

“Minha moto estava no conserto e aquele dia fui e voltei de ônibus. Enquanto esperava o transporte urbano com uma amiga, comecei a cantar. Uma mulher me ouviu e pediu se podia gravar. Eu disse que sim. Então ela postou, mas não sabia que teria tanta repercussão”, conta Juliana, que trabalha como caixa em uma loja de utensílios.

A chapecoense lembra que há algum tempo clientes da loja, amigos e familiares começaram a comentar sobre as semelhanças entre elas. “Os clientes diziam que eu lembrava muito a Marília, então eu cantava para eles e todo mundo achava a voz parecida também.”

Coincidências não param

Juliana relata que outras coincidências entre as duas também chamaram a atenção, principalmente de familiares. Assim como a rainha da sofrência, a chapecoense começou a cantar na igreja ainda quando criança.

Depois — semelhante com história de Marília — passou a se apresentar em restaurantes e postos de combustíveis, até chegar aos barzinhos. “Assim como ela tinha, eu também possuo a córnea retorcida, o que me faz ter problema de visão e acabar usando óculos que, inclusive, também são parecidos com os dela.”

Juliana destaca que sempre foi fã de Marília e que as comparações com a sertaneja vieram ainda quando ela era viva. “De tanto as pessoas falarem das semelhanças, comecei a me apresentar em barzinhos, restaurantes e aniversários. No início tudo por prazer e amor à música e pela admiração ao trabalho da Marília. Há cerca de 7 meses passei a fazer isso também de forma profissional”, explica.

O dom para cantar veio de Deus, já que Juliana nunca fez curso de canto e a voz encanta e atrai a atenção de quem a ouve. A moradora de Chapecó não teve a oportunidade de ir a um show de Marília, mas pretende continuar honrando seu legado e sua memória com apresentações cover da cantora.

“Infelizmente não tive a honra de conhecer a mulher maravilhosa que ela era, mas meu foco é levar alegria, assim como ela levava. Jamais será esquecida e o que puder fazer para manter isso vivo, eu farei”.

Em suas redes sociais, Juliana compartilha com frequência registros de covers da cantora. Em algumas postagens os comentários comprovam a semelhança com a rainha da sofrência: “Marília Mendonça é você?”, escreveu uma pessoa.

Fonte: ND+

 

NOS CONTE O QUE VOCÊ ACHOU
3Gostei12Amei0Haha0Hum0Triste0Raiva

0 Comments

Deixe um comentário

mersin escort çorlu escort erzincan escort görükle escort Samsun escort