Coaf fora das mãos de Moro: Confira como votaram os deputados catarinenses

A Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira (22) a Medida Provisória 870, que reformou a estrutura ministerial, reduzindo o número de pastas de 29 para 22.
Na mesma sessão, porém, os congressistas decretaram uma relevante derrota ao governo Bolsonaro, ao retirar o Coaf (Conselho de Controle de Atividades Financeiras) do Ministério da Justiça, comandado por Sergio Moro, e passá-lo para o Ministério da Economia. O placar foi de 228 votos a 210.

Confira abaixo como cada deputado catarinense votou em relação à retirada do Coaf do Ministério da Justiça – o voto “sim” representa os deputados favoráveis ao Coaf no Ministério da Justiça e os “não” os que queriam a ida para a Economia:

Votos favoráveis à manutenção do COAF sob o comando do Ministério da Justiça
Carmen Zanotto (Cidadania)
Carlos Chiodini (MDB)
Celso Maldaner (MDB)
Gilson Marques (NOVO)
Hélio Costa (PRB)
Darci De Mattos (PSD)
Ricardo Guidi (PSD)
Daniel Freitas (PSL)
Fabio Schiochet (PSL)
Caroline de Toni (PSL)
Coronel Armando (PSL)
Rodrigo Coelho (PSB)
Geovania de Sá (PSDB)

Votos pela ida do COAF para o Ministro da Economia
Pedro Uczai (PT)

NOS CONTE O QUE VOCÊ ACHOU
0Gostei0Amei0Haha0Hum0Triste3Raiva

0 Comments

Deixe um comentário