EUA afirma ter abatido 4º objeto voador em uma semana e o Uruguai também investiga objetos voadores

As autoridades dos Estados Unidos confirmaram que um objeto não identificado foi derrubado no dia 11 de fevereiro, no Lago Huron, no estado de Michigan, fronteira com o Canadá. Este é o quarto objeto a ser abatido em oito dias, seguindo-se a outros dois objetos semelhantes abatidos no Alasca e no Canadá nos últimos três dias. No último fim de semana, um balão chinês foi derrubado na costa leste americana.

A deputada democrata Elissa Slotkin afirmou em seu Twitter que o objeto foi derrubado por pilotos da Força Aérea e da Guarda Nacional dos EUA, que foram acionados para interceptar e identificar o objeto.

As autoridades americanas acreditam que os dois objetos não identificados abatidos no Alasca e no Canadá sejam balões, conforme confirmado por um alto funcionário do governo americano à Fox News e pelo senador democrata Chuck Schumer, líder da maioria na Casa. No entanto, ainda não há informações sobre o objeto abatido no dia 11.

O Uruguai anunciou hoje (12) que enviou uma equipe para investigar denúncias de objetos voadores na região de Paysandú, na fronteira com a Argentina. O governo relatou que foram feitas denúncias de luzes estranhas no céu de Termas de Almirón.

Em resposta a essas denúncias, a CRIDOVNI (Comissão de Recepção e Investigação de Denúncias de Objetos Voadores Não Identificados) foi acionada pela Força Aérea do Uruguai.

“Diante das denúncias recebidas sobre o avistamento de lampejos no céu em Termas de Almirón, departamento de Paysandú, foi ordenada a intervenção da CRIDOVNI (Comissão de Recepção e Investigação de Denúncias de Objetos Voadores Não Identificados)”, diz nota da Força Aérea do Uruguai.

Fonte: Hora de Brasília

NOS CONTE O QUE VOCÊ ACHOU
0Gostei0Amei0Haha0Hum0Triste0Raiva

0 Comments

Deixe um comentário

mersin escort çorlu escort erzincan escort görükle escort Samsun escort