Médicos do Hospital Regional do Oeste alertam que podem paralisar os atendimentos em Chapecó

Na última sexta-feira (03), os médicos que atuam no Hospital Regional do Oeste (HRO), em Chapecó, enviaram uma carta a diretoria da Associação Hospitalar Lenoir Vargas Ferreira (AHLVF), onde alertam que podem paralisar os atendimentos em Chapecó, caso não ocorra o pagamento dos proventos atrasados (plantões e produtividade médica), em 15 dias. Devem sofrer suspensão dos atendimentos ambulatoriais, cirurgias e procedimentos eletivos de qualquer natureza médica.

De acordo com a carta (veja abaixo), essa situação de atraso nos serviços médicos prestados perdura por vários meses – a produtividade médica está atrasada desde maio/21 e os plantões e sobreavisos desde setembro/21. Além de ressaltar a insatisfação geral do corpo clínico e a falta de informação sobre a previsão para normalizar a situação

Confira a carta na íntegra:

O que diz a Associação Hospitalar Lenoir Vargas Ferreira:

O jornalismo do ClicRDC entrou em contato com a assessoria de imprensa da Associação, que informou “estar empenhando todos os esforços para sanar a situação, mas continua no aguardo da liberação de recursos já auditados, divulgados no dia 1° de dezembro”. A AHLVF, destacou qual é o estágio das etapas do programa de reequilíbrio financeiro pós-Covid-19 do Hospital Regional do Oeste (HRO).

“O custeio dos leitos UTI-Covid19 ultrapassou em R$ 14.728.929,91 o valor dos repasses oficiais feitos pelo Ministério da Saúde nos meses de junho, julho, agosto e setembro de 2021. A Secretaria de Estado da Saúde se comprometeu em pagar essa diferença.

Os valores foram auditados entre 20 e 24 de setembro com ajustes finais realizados no dia 6 de outubro no gabinete do Secretário de Estado da Saúde, em Florianópolis. No dia 14 de outubro foram pagos R$ 7.439.785,80, dos meses de junho e julho, por meio de convênio existente e em vigor.

A diferença de R$ 7.289.144,11, correspondente aos meses de agosto e setembro, foi auditada entre 20 e 24 de setembro com fechamento contábil em 08 de outubro e liberação para pagamento pelo Governador em Exercício, presidente da Assembléia Legislativa de Santa Catarina, deputado Mauro de Nadal, em solenidade pública, em Xaxim, dia 10 de novembro.

Contudo, o efetivo pagamento depende de novo convênio, já liberado e com plano de trabalho e cadastramento da proposta, entre os dias 23 e 26 de novembro.

No momento, a AHLVF aguarda a liberação do Estado para a assinatura do convênio. Os passos seguintes incluem a publicação, abertura de conta e depósito dos valores.”

Fonte: ClicRDC
Foto: AI/HRO

NOS CONTE O QUE VOCÊ ACHOU
0Gostei0Amei0Haha0Hum0Triste0Raiva

0 Comments

Deixe um comentário

mersin escort çorlu escort erzincan escort görükle escort Samsun escort