Preso acusado de matar homem durante discussão em bar, em SC

A Divisão de Investigação Criminal – DIC da Polícia Civil de Maravilha conseguiu capturar em flagrante o autor do homicídio qualificado consumado e do homicídio qualificado tentado ocorrido por volta das 18h do sábado (28).

Segundo as informações, o autor havia terminado o relacionamento amoroso com uma das vítimas aproximadamente uma semana, ocasião em que ameaçou ela de morte com o intuito de constrangê-la a não se envolver com outra pessoa.

Na tarde do sábado (28), enquanto trafegava em via pública, o investigado visualizou as vítimas confraternizando, razão pela qual, movido por ódio e ciúme, acreditando que o (até então) amigo havia “lhe traído” e se envolvido com sua ex-companheira, foi para sua residência para buscar meios para cometer o crime.

Imediatamente o autor retornou ao local na posse de um facão e passou a desferir golpes violentos contra a vítima, sendo que, no mínimo sete golpes com potencial letalidade atingiram a vítima no crânio, rosto, peito e costas.

Após garantir a morte da vítima, o autor se voltou contra sua ex-companheira, que tentou se esconder durante a briga inicial, mas foi alcançada e agredida com um golpe de facão, que lhe atingiu uma das mãos para se proteger. Após a prática dos crimes, o autor fugiu correndo do local do delito e passou a ser procurado pela polícia.

A equipe da Divisão de Investigação Criminal – DIC passou a atuar simultaneamente na investigação do crime e na tentativa de capturar o autor. Várias diligências foram realizadas pela equipe policial de forma contínua durante quase vinte horas, até que foi possível encontrar o autor escondido em uma residência em Nova Erechim.

Confirmada a presença do foragido no local, os policiais da DIC montaram operação para executar a prisão, momento em que o criminoso foi capturado e, após resistência inicial, foi contido e preso.

O homem preso possui 33 (trinta e três) anos de idade, é natural de Chapecó, e já possui vasto histórico criminal, tendo cumprido mais de uma década de pena pela prática de outros crimes. Constam em seus registros ao menos três homicídios anteriores (inclusive com uso de arma branca), roubo, ameaça, fuga de presídio, desacato e embriaguez ao volante.

A mulher vítima possui 36 anos de idade e é natural de Chapecó. O homem que morreu possuía 37 anos de idade e era natural de Saudades.

O preso foi autuado em flagrante por dois crimes de homicídio duplamente qualificados (pelo motivo fútil e forma de execução que dificultou a defesa das vítimas). A incidência da qualificadora do feminicídio será objeto de apuração mais detalhada em continuidade da investigação.

Ao final dos procedimentos, o investigado foi encaminhado à unidade prisional de Maravilha/SC.

NOS CONTE O QUE VOCÊ ACHOU
0Gostei0Amei1Haha0Hum0Triste0Raiva

0 Comments

Deixe um comentário

mersin escort çorlu escort erzincan escort görükle escort Samsun escort