Um projeto de lei em tramitação na Alesc prevê aplicação de advertência e de multa no valor de R$ 500 para quem aplicar trote no Samu.

A medida determina que as empresas de telefonia informem os dados de endereço dos telefones que originarem chamadas de trote ao Samu, para o envio da notificação: advertência na primeira ocorrência, seguida de multa caso o trote se repita.

Qual a sua opinião sobre o projeto?

NOS CONTE O QUE VOCÊ ACHOU
0Gostei0Amei0Haha0Hum0Triste0Raiva

0 Comments

Deixe um comentário