Homem agride e estupra companheira após bebedeira no Oeste de SC

Uma mulher de 28 anos relatou a Polícia Militar que o companheiro de 30 anos retornou para casa, em visível estado de embriaguez, quebrando os móveis da residência, ameaçando a jovem com uma faca e obrigando a mesma a fazer sexo com o homem. O fato aconteceu por volta das 10h21, do último domingo (29), na Avenida Atílio Fontana , bairro Efapi em Chapecó, Oeste de Santa Catarina.

Segundo relato da jovem, o companheiro jogou o próprio celular contra a parede, e quis quebrar o celular da mulher, mas a mesma conseguiu esconder. O homem ficou batendo na parede, e desferiu um soco no rosto e na perna da vítima. Logo após a agressão, o homem pegou uma faca e ficou segurando no queixo da companheira, a ameaçando, simulando que iria desferir uma facada. A vítima então foi forçada a fazer sexo com o autor, contra a vontade.

Quando o autor terminou o ato, a mulher foi trancada dentro de casa. A vítima então esperou que o homem pegasse no sono, encontrou a chave escondida, e saiu para poder buscar ajuda.

Ao entrar na residência, a Polícia Militar encontrou o autor deitado na cama, dormindo. Diante dos fatos a guarnição deu voz de prisão, e os conduziu até a CPP para demais esclarecimentos.

A guarnição foi empenhada via 190 para atender ocorrência gerada pelo APLICATIVO PMSC CIDADÃO. Ao chegar no local, a guarnição conversou com MULHER 28 anos. Ela relatou que seu companheiro 30 anos, voltou para casa na manhã de hoje, em torno das 07 (sete) horas da manhã, embriagado e alterado. O autor chegou quebrando os móveis da residência, pegou o próprio celular e jogou contra a parede, e quis pegar o celular da vítima para quebrar também, mas que ela conseguiu esconder. O agente ficou batendo na parede, e então deu um soco no rosto e na perna da vítima. Logo após a agressão pegou uma faca e ficou segurando seu queixo a ameaçando, simulando que iria lhe dar uma facada. A vítima então foi forçada a fazer sexo com o autor, contra a sua vontade.

Quando o autor terminou o ato, a trancou dentro de casa escondendo as chaves da residência. A vítima então esperou que ele pegasse no sono, encontrou a chave escondida, e saiu para poder buscar ajuda. Ao entrar na residência, foi encontrado o autor deitado na cama, dormindo. Diante dos fatos a guarnição deu voz de prisão, e os conduziu até a CPP para demais esclarecimentos.

Fonte: Clic RDC

NOS CONTE O QUE VOCÊ ACHOU
0Gostei0Amei0Haha0Hum0Triste0Raiva

0 Comments

Deixe um comentário

mersin escort çorlu escort erzincan escort görükle escort Samsun escort