Homem é condenado a 32 anos por matar idosa e vender panela e chaleira da vítima para comprar drogas, no Oeste de SC

Um homem foi condenado a 32 anos, um mês e 11 dias de reclusão e ao pagamento de 22 dias-multa por matar Edith Thibes Veiga, de 86 anos, em Lebon Régis, no Oeste. Segundo o Ministério Público de Santa Catarina (MPSC), o homem invadiu a casa acobertado por dois adolescentes, matou a mulher, subtraiu alguns pertences pessoais como panela, chaleira e comida para comprar drogas.

O caso aconteceu em setembro de 2022 e a sentença divulgada na quinta-feira (8). Além do latrocínio (roubo com o resultado de morte), ele foi condenado por corrupção de menores. O caso segue em sigilo e o g1 SC não conseguiu contato com a defesa do homem. Cabe recurso.

Segundo o Promotor de Justiça Marcos José Ferreira da Cruz, o assassinato de Edith chocou o município e a região. “O réu agiu com extrema crueldade, tirando a vida de uma senhora que estava sozinha em casa para roubar alguns pertences para poder comprar drogas”, afirmou.

Os adolescentes que participaram do crime estão cumprindo medidas socioeducativas, informou o MPSC. Naquela noite, o réu entrou na residência acobertado menores e atacou a idosa com facadas no pescoço e nos braços e a estrangulou com um tecido.

Segundo a investigação, os alimentos foram deixados em um bar e os utensílios domésticos vendidos por 20 reais. Câmeras de segurança também flagraram o homem jogando cartões de crédito e documentos da mulher em um bueiro.

Fonte: G1 SC

NOS CONTE O QUE VOCÊ ACHOU
0Gostei0Amei0Haha0Hum0Triste0Raiva

0 Comments

Deixe um comentário

mersin escort çorlu escort erzincan escort görükle escort Samsun escort