https://www.traditionrolex.com/20

Polícia Civil concluí investigação de homem que acessava sistema da polícia para vigiar ex-companheira  

A Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Chapecó, concluiu um inquérito policial e apurou que um homem, sem qualquer vínculo a administração pública, acessava o sistema restrito as forças policiais. As consultas eram realizadas pelo próprio celular do acusado, com o login e senha de um policial militar de reserva que sabia da atitude.

Segundo a polícia, ele obtinha informações de inúmeras pessoas, sendo que as utilizava para fins particulares. Conforme relatou a ex-companheira do homem, principalmente para controlá-la e persegui-la.

Desta forma, o indivíduo e o ex-policial foram indiciados pela prática dos crimes de divulgação de sigilo funcional de sistemas de informações e violação de sigilo funcional, previstos no Código Penal. Além deles, outro policial da ativa também teria cedido seu acesso ao mesmo homem e se esta conduta for confirmada, configura-se crime militar.

Solicitou-se ao Poder Judiciário o encaminhamento de cópia do inquérito à Polícia Militar, para apuração de sua responsabilidade penal e administrativa.

NOS CONTE O QUE VOCÊ ACHOU
0Gostei0Amei0Haha0Hum0Triste0Raiva

0 Comments

Deixe um comentário

mersin escort çorlu escort erzincan escort görükle escort Samsun escort